Notícias

Voltar

Virada Cultural celebra "a cidade que nunca para" com museus abertos 24h

A tradicional Virada Cultural, festival 24h da capital paulista, chega a sua 15ª edição que ocorre nos dias 18 e 19 de maio. Pela primeira vez, o evento ocupa todas as 32 subprefeituras da cidade com mais de 1200 atividades, como de costume gratuitas, em 250 pontos da cidade.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Crédito: Divulgação.

Para Ale Youssef, secretário de cultura, “a virada é um posicionamento pró-cultura em um momento que ela tem sido tão desvalorizada”. O secretário afirma que essa é a maior edição da virada e que pretende consolidar e reafirmar a cidade de São Paulo como a capital mundial da cultura.

A grande novidade do campo das artes visuais é a parceria que a prefeitura realizou com instituições culturais da cidade. A Avenida Paulista, cartão postal da cidade, ficará aberta ao público e fechada para os carros ao longo de toda a Virada. O Itau Cultural, o IMS Paulista, O MASP, a Japan House, entre outros museus e espaços culturais da avenida ficarão abertos em horários alternativos para atender a população nessa data especial. 18 Sescs e 8 museus da cidade, entre outras totalizam 40 instituições parceiras.

Leonilson, Os Castelos do pensamento, 1988. Créditos: Rubens Chiri

Eduardo Saron, diretor do Itaú Cultural, afirma a prefeitura faz um chamado à sociedade para abraçar a cultura e celebrar a cidade que nunca para. Saron relata estar muito feliz com as novidades dessa articulação público-privada que irá proporcionar uma imersão cultural na cidade. As exposições “Artur Lescher: Suspensão”, “Leonilson: Arquivo e Memória vivos”, “Sergio Larraim: um retângulo na mão” são apenas algumas que participarão da Virada Cultural. Confira a programação completa.

Serviço
Virada Cultural
18 e 19 de maio de 2019

Cadastre-se em nossa newsletter e receba o e-book Conservação de Esculturas em Espaços Públicos
Cadastre-se em nossa newsletter e receba o e-book Conservação de Esculturas em Espaços Públicos