Notícias

Voltar

Conheça 4 exposições tecnológicas para visitar!

A arte e a tecnologia estabeleceram um diálogo há muito tempo. Com o desenvolvimento dos gadgets e equipamentos, desenvolve-se também essa parceria entre linguagens, cada vez mais presente em galerias, museus e instituições culturais. O InfoArt separou quatro exposições tecnológicas imperdíveis para você visitar, confira!  

1.Bjork Digital


Avatar Family - Andrew Thomas Huang. Créditos: Divulgação

O MIS (Museu da Imagem e do Som) apresenta “Björk Digital”, que fica em cartaz de 18 de junho a 18 de agosto. A exposição promove uma imersão do visitante que, graças aos óculos de realidade virtual, podem adentrar nas imagens poéticas e vanguardistas da cantora islandesa.
A mostra teve sua primeira exibição em Sidney em 2016 e já esteve em cidades como Tóquio, Barcelona, Cidade do México, Moscou, Montreal, Londres, Los Angeles e outras. A curadoria é assinada pelo MIF (Manchester International Festival) que propõe que a exposição esteja dividida em seis espaços que apresentam para o espectador as obras idealizadas por Björk. Leia mais

2.Metaversø
O Farol Santander apresenta “Metaversø”, com curadoria de Antonio Curti a mostra coletiva fica em cartaz de 11 de junho a 15 de setembro. Curti ressalta que o intuito da exposição é mostrar que há brasileiros que elevam a tecnologia ao status de arte e o fazem com maestria.
O nome Metaversø se deve ao fato de que a exposição exibe diferentes universos criados pelos artistas, são sons, luzes, formas e imagens que compoes paisagens inusitadas e ao mesmo tempo familiares aos que vivem no mundo das  telas. A exposição reúne obras exclusivas e inéditas dos artistas e coletivos Bijari, VIGAS, SALA 28, AYA Studio, Bloco e Wesley Lee. Leia mais

3.FILE


Tempo:cor | Pedro Veneroso | Brasil. Créditos: Divulgação

O Centro Cultural Fiesp apresenta o “FILE (Festival Internacional de Linguagem Eletrônica) 2019” que fica em cartaz de 26 de junho e 11 de agosto de 2019. Em sua 20º ano, o Festival reúne obras que tem como norte a inovação e são fruto da fusão entre arte e tecnologia.

Desde 2004. a mostra ocorre no Centro Cultural Fiesp, mas ao todo já foram 48 edições. Em 2018, o FILE ficou no top 20 exposições mundiais de arte e no top 10 mostras de arte contemporânea de acordo com os rankings do The Art Newspaper. Leia mais.

4. "Expanded ID/ID Expandida", de Anaísa Franco
Em "Expanded ID/ID Expandida" , Anaísa Franco propõe experiências de arte imersiva que estimula o pensar a partir dos sentidos. Na afirmação "nada está no intelecto sem antes ter passado pelos sentidos”, o filósofo grego Aristóteles parece sintetizar a proposta da artista na mostra.Em esculturas e instalações, Franco criou trabalhos que brincam com luzes e sons, a artista os concebe com o mesmo rigor de um cientista.  A exposição fica em cartaz na Galeria Lume de 18 de junho a 3 de agosto. Leia mais.

Cadastre-se em nossa newsletter e receba o e-book Conservação de Esculturas em Espaços Públicos
Cadastre-se em nossa newsletter e receba o e-book Conservação de Esculturas em Espaços Públicos