AGENDA DAS ARTES

Voltar

Bispo do Rosário: as Coisas do Mundo | Louise Bourgeois em Utopia de colecionar o pluralismo da arte

Artistas: Bispo do Rosário e Louise Bourgeois

Curadoria: Ricardo Resende

De 7/9 a 7/9/20

FAMA - Fabrica de Arte Marcos Amaro Ver mapa

Endereço: Rua Padre Bartolomeu Tadei, 09 Vila São Francisco, Itu – SP

Telefone: 11 3064 3556

A FAMA (Fábrica de Arte Marcos Amaro) apresenta as mostras “Bispo do Rosário: as Coisas do Mundo” e “Louise Bourgeois em Utopia de colecionar o pluralismo da arte” que ficam em cartaz de 7 de setembro de 2019 a 7 de setembro de 2020. A abertura será no sábado(7) e o museu disponibiliza transporte gratuito para o público da cidade de São Paulo. O ônibus sai às 10h da Alameda Franca, 1.050, nos Jardins, com destino a Itu, e retorna às 17h. As inscrições podem ser feitas pelo site famamuseu.org. Saiba mais sobre cada uma das mostras a seguir:

“Bispo do Rosário: as Coisas do Mundo”

 

Documentação da obra de Arthur Bispo do Rosário, Museu Bispo do Rosário - Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.

O artista sergipano Arthur Bispo do Rosário é um ícone da história da arte brasileir, Ricardo Resende, diretor artístico da instituição selecionou 50 obras de Bispo do Rosário que ficam por um ano em cartaz na FAMA.

Em sua obra loucura e a genialidade caminham lado a lado, muitos de seus trabalhos foram construídos na Colônia Juliano Moreira, um dos maiores pólos manicomiais do Brasil local em que Bispo viveu por 50 anos após receber um diagnóstico de esquizofrenia. 

De acordo com Bispo, sua missão era registrar os objetos da Terra, para isso produzia séries tipológicas de objetos cotidianos , intituladas "vitrines". Além disso, o artista envolvia pertences com uma linha azul, retirada de seus  pertences uniformes do hospício. "Refiava, costurava, bordava e recobria com linha azul. Organizava essas coisas, serializando-as, como se estivesse na linha de produção de uma fábrica – de tecidos, quiçá", completa o curador.  

Louise Bourgeois em Utopia de colecionar o pluralismo da arte


Louise Bourgeois, Do Not Abandon Me, 2009-2010

A principal munição para a criação de Louise Bourgeois usou para produzir suas obras foram seus traumas e memórias, que suscitaram reflexões sobre temas referentes ao corpo feminino: identidade, angústia e anseio por liberdade, a artista propõe esse debate em suportes variados.

Na FAMA, estão dispostas em uma sala expositiva toda a escultura de tapeçaria Femme (2004), costurada à mão por Louise, e as 16 pinturas que compõem a suíte Do Not Abandon Me (2009-2010). Esta, fruto de uma parceria com a artista britânica Tracey Emin, revela cenas e pensamentos íntimos e cheios de polêmica, seja de grávidas, seja de mulheres que beijam, habitam e até se enforcam em falos eretos.  A segunda obra,Femme,  é uma boneca sem cabeça nem membros que possui apenas curvas e um buraco no fim do torso – uma das mais valiosas aquisições do acervo da FAMA, que conta também com exemplares de Aleijadinho e Tunga.

Serviço
Bispo do Rosário: as Coisas do Mundo | Louise Bourgeois em Utopia de colecionar o pluralismo da arte
Datas e Horários: De 7/9 a 7/9/20. de segunda a sexta-feira, das 11h às 19h, e sábado, das 11h às 15h
Local: FAMA | Rua Padre Bartolomeu Tadei, 9, Itu, São Paulo