Notícias

Voltar

Feira PARTE chega à sexta edição com novidades e novo espaço

A PARTE, feira de Arte Contemporânea, apresenta a partir do dia 02 de novembro, no espaço Hebraica, mais uma edição de uma das mais importantes feiras de arte no Brasil, firmando o seu posicionamento como referência no calendário das artes visuais da cidade. Sem dúvida, é a consolidação de um mercado de arte transparente, confiável, profissional e, ao mesmo tempo, aberto para as novidades e transformações.  Para se ter uma ideia desta transparência, uma das regras da feira é que todas as obras expostas e colocadas à venda sejam identificadas com, no mínimo, o nome do artista, ficha técnica (materiais, técnica utilizada, etc) e o preço.  “O preço exibido é muito importante porque é uma forma de quebrar a inibição de chegar perto da obra e verificar que é possível comprá-la sem receio. A ideia é incentivar a compra para o comprador que vai adquirir pela primeira vez uma obra de arte”, destaca a empresária e uma das coordenadoras, Tamara Perlman. 


Marlene Stamm, Invisíveis. Galeria Emma Thomas.

É a primeira vez que o espaço Hebraica recebe a feira que, nesta edição, traz novas galerias  vindas da argentina como a Buenos Artes Fine Arts, SashaD e Aldo de Souza, aprofundando  a relação no mercado de Artes entre os dois países. 


Emanoel Araujo. Relevo,2015. Escultura em madeira nautica.110x160x18cm. Andrea Rehder Arte Contemporânea.

Esta edição contou com um comitê de seleção independente para escolher as galerias e artistas participantes. Os 40 expositores selecionados foram escolhidos por profissionais de diferentes segmentos do mercado de arte. São eles: Aloisio Cravo, Heitor Reis, Raphael Fonseca, Regina Pinho de Almeida e Rejane Cintrão.  

A feira é a única no Brasil com foco exclusivo na produção mais atual, reunindo as novidades mais interessantes das artes visuais. São obras em diversos suportes, como esculturas, pinturas, gravuras, fotografias, instalações, vídeos, livros de artistas, entre outros.  A maior parte dos trabalhos apresentados é inédita, obras instigantes e de nomes em ascensão. 

Marcos Coelho Benjamim. Roda, 110cm. Galeria Murilo Castro

A PARTE é hoje a melhor opção para quem quer arejar ideias e conhecer mais do que se produz pelo país, além do circuito Rio - São Paulo. Muitas galerias vêm de fora da cidade e trazem artistas com carreira sólida, mas ainda pouco conhecidos por aqui. A Galeria Myrine Vlavianos, de Florianópolis, representa artistas veteranos como Fernando Lindote e expoentes como Juliana Hoffmann.  A Periscópio, de Belo Horizonte, apresentará os novos trabalhos do paraense Éder Oliveira, destaque da última Bienal. A RV Cultura, que tem mudado a cena de arte de Salvador, terá obras ainda inéditas de João Oliveira e Samuel Casal.

Obras raras de artistas já consagrados também receberão destaque nesta edição. Será uma oportunidade para ver de perto obras de Arthur Luis Piza e de Sérvulo Esmeraldo, ambos representados pelo galerista mineiro Murilo Castro, participante da PARTE desde 2011. Pinturas das décadas de 60 e 70 de Claudio Tozzi que até hoje integravam o acervo pessoal do artista serão apresentadas pela Galerie Brésil, por exemplo. 


Lorena Marchetti, microrelieves. Galeria Gachi Prieto

Referência como espaço de circulação de informação sobre a nova geração de talentos das artes plásticas, que atrai desde colecionadores experientes até pessoas que querem comprar a sua primeira obra de arte, a PARTE conquistou nesses seis anos um público tão variado quanto amplo, cada vez maior: o número de visitantes passou de 6.500, na primeira edição em 2011, para 16.000 em 2015, quando a feira passou a realizar duas edições anuais. 

Entre as galerias parceiras da feira já há algum tempo temos Galeria Murilo Castro, Andrea Rehder Arte Contemporânea (antiga Galeria Paralelo), DconceptArte Hall, Jackie Shor Arte, Papel Assinado, Luiz Maluf Art Gallery e Folio.Um dos projetos especiais da feira é o trabalho de um coletivo de artistas chamado de 2e1. Nasceu em 2010, nos encontros de Grupo de Estudos e Acompanhamento de Projetos Artísticos, que na época era coordenado por Carolina Paz em seu ateliê no bairro de Perdizes, São Paulo.  
Projetos Especiais 
O Coletivo 2e1:
Surgiu de um desejo daqueles que participavam das atividades ali desenvolvidas. Sua vocação, desde o princípio, é a do convívio e da geração de conhecimento no campo das artes visuais contemporâneas. Com o passar do tempo, as ações promovidas pelo grupo foram ganhando força e expansão com diversas atividades pensadas para o novo espaço físico do ateliê no bairro da Água Branca. Em 2014, foram iniciadas as primeiras ações 100% a distância, apostando no que já havia dado certo com a transmissão online de parte dos cursos de um programa chamado de Vitamina, iniciado em 2013. Hoje, praticamente todas as atividades do Coletivo 2e1 envolvem interação remota via plataforma de web conferência, incluindo o Grupo de Estudos e o Acompanhamento de Processos e Projetos Artísticos. Sendo assim, o 2e1 hoje, com sua sede no bairro do Pacaembu, não depende e não se caracteriza a partir de um lugar físico, mas sim de uma rede de membros e colaboradores que se encontram, presencial e remotamente, para trabalho, ocupação, experimentação, convivência e criação de conhecimento em artes visuais.

Aluga-se – Projeto Divirta-se 
O grupo participa pela sexta vez da Feira PARTE, e na edição de 2016 apresenta o “Divirta-se”, inspirado nas brincadeiras do Circo.  Com a temática circense, o grupo, mais uma vez vai colocar o colecionador no papel de performancer e ativador do stand de vendas, para que ele conquiste seu desconto.
Artistas convidados produzirão cerca de 10 trabalhos cada um, com tamanho máximo de 30 x 30 cm que estarão à venda pelo valor único de R$ 450,00. Depois que um cliente decidir comprar uma obra, é hora de bater o martelo, sim, naquelas máquinas de “medir força”, e dependendo da batida do cliente, ele pode ganhar descontos de até R$ 100,00, ecobags ou selfies com os artistas.
Uma ação idealizada, coordenada e executada apenas por artistas que colocam seus trabalhos em circulação. Com diversidade de trabalhos, entre gravuras, pinturas, desenhos, objetos, aquarelas, bordados e colagens. Outro diferencial do stand é que além de uma obra de cada artista exposta na parede, os trabalhos também ficam expostos e acessíveis às mãos de todos em uma mesa, aproximando mais ainda as pessoas das obras de arte. 
Artistas: Ana Zveibil, Evandro Prado, Giba Gomes, Marlene Stamm, Rosilene Fontes, Yara Dewachter, Guilherme Gaffi, Alexandre Paiva, Duda Oliveira entre outros...
A PARTE se firmou no Paço das Artes, dentro da Cidade Universitária e este ano a edição de passa a acontecer no Clube Hebraica. 

Sobre a PARTE
A ideia de criar a PARTE surgiu há seis anos, a partir da percepção das amigas Tamara Perlman, advogada, e Lina Wurzmann, administradora de empresas e artista, de que havia uma oportunidade no mundo das artes: um público que se interessava por arte, visitava exposições e se identificava com a linguagem atual da arte, mas ainda não se sentia pronto para levá-la para casa, e jovens galerias dedicadas à arte contemporânea com artistas com uma produção atual instigante e efervescente, mas com pouco espaço para expor seu trabalho.  Com o crescimento do projeto, em 2014 à dupla se juntou uma nova sócia, Carmen Schivarche.  

Em outras palavras, “havia um conjunto numeroso de potenciais compradores de obras de arte. Pessoas que se interessam por cultura de forma ampla, com poder aquisitivo para ter arte em sua casa e que não se sentia seguro para escolher uma obra de arte, seja por falta de informação sobre qualidade, os artistas, galerias ou mesmo preços”, diz Tamara. 

Informação na PARTE é item essencial. Os trabalhos são expostos com pequenas etiquetas com o preço, técnica, e nome do artista, ajudando a contextualizar a obra e os valores financeiros atribuídos a ela, permitindo assim que o comprador se sinta à vontade para comparar e tomar uma decisão com segurança e conhecimento, sem pressão. 

A partir de uma curadoria cuidadosa, a feira seleciona trabalhos pouco óbvios e que, muitas vezes, não seriam encontrados mesmo em uma grande feira. São joias raras que atraem não só recém-chegados ao mundo da arte e do colecionismo mas, também, colecionadores experientes, em busca de trabalhos ousados e raros. 

Galerias Presentes nesta edição:
1.  ArtNexus - EUA/Colômbia
2.  Aldo de Souza - Argentina
3.  Almacén Thebaldi Galeria - Rio de Janeiro
4.  Andréa Rehder Arte Contemporânea - São Paulo
5. AR Escritório de Arte - São Paulo
6. Arte Hall - São Paulo
7. Aura Arte - online (Porto Alegre)
8. Biographica - São Paulo
9. Buenos Artes Fine Arts - Argentina
10. Casa das Artes - São Paulo
11. Contempo - São Paulo
12. Dconcept - São Paulo
13.  Escritório de Arte Rosa Barbosa - São Paulo
14. Espaço Ophicina - São Paulo
15. Fólio - São Paulo
16.Gachi Prieto - Argentina
17. Galeria Brésil - São Paulo
18. Galeria Murilo Castro - Belo Horizonte
19. Galeria Nícoli - São Paulo
20. Galeria Virgílio - São Paulo
21. Hilda Araújo Escritório de Arte - São Paulo
22. Jackie Shor Arte - São Paulo
23. JB Goldenberg Escritório de Arte - São Paulo
24. Luis Maluf Art Gallery - São Paulo
25. Mira Arte - São Paulo
26. Myrine Vlavianos - Florianópolis
27. Pabellón4 - Argentina
28. Papel Assinado - São Paulo
29. Periscópio - Belo Horizonte
30. Quadro Arte Contemporáneo - Argentina
31. RV Cultura e Arte - Salvador
32. Galeria Base - São Paulo
33. Sasha D - Argentina
34. Tato Galeria - São Paulo
35. ungloborojo - Argentina
36. Via Thorey - Vitória ES
37. Ybakatu - Curitiba
38.  Galeria Monique Paton - Rio de Janeiro
39. Coletivo2e1
40. Aluga-se
41. Galeria Emma Thomas
42. Clube de Colecionadores
43. Orlando Lemos Galeria, de Belo Horizonte  

Serviço
PARTE – Feira de arte contemporânea
Quando:  De 2 a 06 de novembro
Onde:  :  Rua Dr. Alberto C. De Melo Neto, 115 - Salão Marc Chagall,  Clube A 
www.feiraparte.com.br 

Horários: 
02 de novembro, quarta-feira, das 16h às 21h (Preview para convidados) 
03 e 04 de novembro, quinta e sexta-feira, das 13h ás 21h
05 e 06 de novembro, sábado e domingo, das 11h às 19h
Entrada Gratuita