AGENDA DAS ARTES

Voltar

Os desastres da guerra

Artistas: Dora Longo Bahia

Curadoria: -

De 25/11 a 5/3

Pinacoteca do Estado de São Paulo Ver mapa

Endereço: Praça da Luz, 2 - Largo General Osório, 66 - Luz

Telefone: (11) 3324-1000

A Pinacoteca de São Paulo recebe, a partir do dia 25 de novembro, três novas mostras no segundo andar do prédio da Luz: um conjunto de pinturas de Dora Longo Bahia, na mostra "Os desastres da guerra", uma série de fotografias de Caio Reisewitz em "Altamira" e videoinstalações do artista belga David Claerbout, na mostra "KING e The pure necessity". As obras de Longo Bahia e Reisewitz foram incorporadas recentemente ao acervo do museu e ainda não haviam sido exibidas. Com as novas aquisições, a coleção de arte contemporânea da Pina cresce e potencializa o seu diálogo com o acervo histórico do museu. Claerbout foi convidado a apresentar seus trabalhos e assim intervir no acervo histórico da instituição. As três exposições permanecem em cartaz até 5 de março de 2018 - e em dezembro, a entrada será gratuita todos os dias!

Detalhe de obra de Dora Longo Bahia (Reprodução/Pinacoteca)

Em "Os desastres da guerra", Dora Longo Bahia, artista que trabalha a partir da apropriação de fotografias de guerra, faz uma releitura da obra homônima de Francisco Goya, realizada no século XIX. O conjunto de 81 pinturas em tinta acrílica sobre pergaminho reproduz imagens de conflitos ocorridos principalmente no século XX, como a I e II Guerras Mundiais, a Guerra Civil espanhola, a Guerra do Vietnã, do Afeganistão, entre outras. A obra foi incorporada ao acervo da Pinacoteca por meio de doação do Programa de Patronos da Arte Contemporânea e será montada na sala D.

Serviço
Exposição: "Os desastres da guerra", de Dora Longo Bahia.
Datas e horários: Abertura dia 25 de novembro, sábado. Em cartaz até 05 de março de 2018. De quarta a segunda-feira, das 10h às 17h30 – com permanência até às 18h00.
Local: Pinacoteca Luz | Praça da Luz, 2 - Luz, São Paulo.
Entrada: R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia). Crianças com menos de 10 anos e adultos com mais de 60 não pagam. Aos sábados, a entrada é gratuita para todos os visitantes.