AGENDA DAS ARTES

Voltar

Compassos Paralelos

Artistas: Yuri Seródio

Curadoria: Camila Yunes Guarita e Fernanda Moraes

De 6/7 a 31/7

Luis Maluf Art Gallery Ver mapa

Endereço: Rua Peixoto Gomide, 1887 - Jardins

Telefone: (11) 99344-4238

A galeria Luis Maluf apresenta, de 6 a 31 de julho, a primeira individual de Yuri Seródio (n. 1978, Pernambucano) composta por um recorte de fotografias feitas em teatros, cinemas, palácios e bibliotecas, lugares que carregam memórias pessoais do artista e culturais da cidade. Com curadoria da GoArt – Camila Yunes Guarita e Fernanda Moraes, a mostra apresenta nove obras inéditas do artista, realizadas no Brasil e no mundo.


Yuri Seródio. 

Através de suas lentes, Yuri Seródio reflete a arte e algumas memórias pessoais a fim de enxergar o que é considerado desconhecido, como também dar outros significados ao que é conhecido. Em “Compassos Paralelos”, o artista tem como proposta aprofundar o olhar do público por meio da geometria do belo, criando interfaces entre tempo, o elemento e o espaço. A exposição convida os espectadores a despertar a consciência para um mundo exterior e real, livre de antigas interpretações.

Dentre as obras que serão apresentadas na exposição, o público poderá conferir os ângulos únicos sobre ícones culturais do Brasil e do mundo, como o CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil), na região central de São Paulo, e o Cine São Luis, em Recife. De Barcelona, na Espanha, o artista retrata o Gran Teatre del Liceu; de Firenze, na Itália, a Biblioteca Riccardiana; e da Alemanha, o Konzerthaus, em Berlim e o Marmorpalais, em Potsdan.


Yuri Seródio.

Sobre Yuri Seródio
O artista sempre conviveu com linhas retas e simetrias, estilo arquitetônico do seu pai – que era engenheiro, arquiteto e piloto de avião. Esse universo cartesiano, permeou a vida do artista que, na sua formação – para surpresa de todos -, optou por cursar Administração de Empresas, se especializando em gestão de qualidade, cujo objetivo era sempre a padronização de processos. Mas nunca deixou de lado suas paixões de criança: arte e fotografia.

Ao longo de sua trajetória, esse pernambucano decidiu mudar para São Paulo em 2008 e, mesmo absorvido no mundo corporativo, realizou alguns trabalhos de fotografia autoral, ainda que informalmente. Fez algumas viagens expedicionárias e buscou ampliar ainda mais o prazer de transformar esse hobby em sua futura profissão.


Yuri Seródio.

Para que suas fotos ganhassem ainda mais forma e técnica, Yuri realizou diversos cursos e estudou profundamente a fotografia e a história da arte, em escolas como a Fullframe. Seu conhecimento foi expandido com workshops de alguns fotógrafos conceituados, entre eles Claudia Jaguaribe, Márcio Scavone, Rinko Kawauchi e Luiz Braga. Suas viagens ao redor do mundo também foram pontos altos para uma predileção em seu estilo fotográfico, acompanhado por outros grandes nomes da fotografia, valendo citar Christian Cravo e David Alan Harvey.

Diante dessa imersão no universo das artes, a herança paterna se fez transbordar: o olhar linear do pai permeou o trabalho do artista. Essa “quase” obsessão pela ordem transformou-se no maior trunfo de suas obras e o tom de seu trabalho: riqueza de detalhes em linhas retas, proporções perfeitas, o contraste das cores - ainda que discretas - e um altíssimo apuro estético. Suas obras, sóbrias, mixam o clássico ao contemporâneo. São vivas, atemporais e democráticas.


Yuri Seródio.

A série “Compassos Paralelos” reforça a metodologia de trabalho de Yuri Seródio, em meio ao mais completo silêncio, num misto de concentração e contemplação em espaços ricos de suas próprias histórias ao redor do mundo. Mesmo isentas da figura humanas, as obras de Yuri são convidativas o suficiente para transportar seu expectador para um universo particular, com seu próprio enredo.

Algumas de suas obras já foram adquiridas por colecionadores brasileiros, assim como nos EUA, Alemanha, Paris, Japão e Portugal. Já expôs suas obras na galeria Room46 Art Space, em Guayaquil (Equador, 2016). No Brasil, participou da exposição coletiva MADE, no Jockey Club (SP, 2016) e tem seu trabalho cada vez mais presente em projetos de renomados arquitetos brasileiros como Guilherme Torres, Dado Castello Branco e Sig Bergamin.


Yuri Seródio.

Serviço:
Exposição “Compassos Paralelos” Yuri Seródio
Data: de 6 a 31 de julho
Local: Luis Maluf Art Gallery
Acessibilidade/ Ar condicionado
Entrada gratuita.