AGENDA DAS ARTES

Voltar

Arte na moda: Coleção MASP Rhodia

Artistas: Alfredo Volpi, Nelson Leirner, entre outros

Curadoria: Patrícia Carta e Tomás Toledo

De 23/10 a 14/2

MASP - Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand Ver mapa

Endereço: Avenida Paulista, 1578

Telefone: 11 3251-5644

Entre os dias 23 de outubro e 14 de fevereiro de 2016, o MASP recebe a exposição "Arte na moda: Coleção MASP Rhodia", onde apresenta o conjunto completo da coleção MASP Rhodia, doada em 1972, e composta por 78 peças produzidas nos anos 1960. Assinam a curadoria da mostra o diretor artístico Adriano Pedrosa, a curadora adjunta Patrícia Carta e o curador Tomás Toledo.

A coleção foi doada pela empresa química francesa Rhodia, que lançava seus fios sintéticos no Brasil, e utilizava desfiles e coleções de moda como forma de divulgação de seus produtos. Essa estratégia foi concebida por Lívio Rangan, então gerente publicitário da Rhodia, responsável por coordenar a criação das coleções e organizar os desfiles onde as roupas eram divulgadas. Estes se aproximavam mais de um espetáculo que de uma divulgação comercial, reunindo profissionais do teatro, dança, música e das artes para sua realização.

Para Patrícia Carta, o acervo único reúne a riqueza de um momento histórico marcado pela ascensão do prêt-à-porter e pela crescente industrialização do país. “A importância desta exposição, além de trazer a estética e a plasticidade da época, é aproximar a arte de outras áreas, como moda e design, e é um bom exemplo de dessacralização do espaço museológico”, comentou a curadora adjunta.

O vestuário exposto tem estampas criadas por artistas brasileiros como Willys de Castro (1926-1988), Aldemir Martins (1922-2006), Hércules Barsotti (1914-2010), Carybé (1911-1997), Ivan Serpa (1923-1973), Nelson Leirner (1932), Manabu Mabe (1924- 1997), Alfredo Volpi (1896-1988), Lula Cardoso Ayres (1910-1987) e Antonio Maluf (1926-2005), entre outros. As escolhas dos artistas revelavam o interesse em dialogar com a arte contemporânea do momento e refletiam as principais tendências estéticas e programas artísticos do período. A abstração concreta está presente nas peças de Hércules Barsotti, Willys de Castro e Antonio Maluf. Já a abstração informal aparece nos vestidos de Manabu Mabe e Antonio Bandeira (1922-1967), e as referências ao pop, nas peças de Carlos Vergara (1941) e Nelson Leirner.

Outra preocupação era trazer para a coleção a temática da cultura popular brasileira, parte importante da história do museu, além de assunto frequente nas pesquisas de Lina Bo Bardi (1914-1922). As estampas criadas por Aldemir Martins, Carybé, Francisco Brennand (1927), Genaro de Carvalho (1926-1971), Lula Cardoso Ayres (1910-1987), Manezinho Araújo (1910-1993), Gilvan Samico (1928-2013) e Carmélio Cruz (1924) refletem o tema.

A moda esteve presente no MASP em eventos e exposições realizadas no passado, como o desfile de vestidos de Christian Dior, em 1951; o desfile de moda brasileira, em 1952; e o Festival de Moda – I Exposição Retrospectiva da Moda Brasileira, de 1971, no qual foram exibidas algumas das peças que estão presentes nesta mostra.

A expografia desenvolvida para a exposição é uma combinação monocromática de dois elementos: bases horizontais elevadas do chão para os manequins e cortinas que criam planos verticais de fundo para as peças. Distribuídos pelo espaço expositivo do segundo subsolo, criam um percurso de visitação: se vistos de cima, uma composição gráfica de curvas e retas. A opção pela predominância da cor preta nos elementos expográficos permite destacar as cores vibrantes das peças e, ao mesmo tempo, controlar melhor a intensidade da iluminação, para preservar as peças têxteis, bastante sensíveis.

No contexto da exposição, será vendido um catálogo inédito com reprodução das 78 peças. Além do texto curatorial, o catálogo contará com comentário crítico da especialista Patrícia Sant’Anna, cuja tese de doutorado realizado na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) abordou a coleção MASP-Rhodia.

Estarão contemplados na publicação e na exposição os artistas Aldemir Martins, Alfredo Volpi, Antonio Bandeira, Antonio Maluf, Carlos Vergara, Carmélio Cruz, Carybé, Danilo Di Prete, Fernando Lemos, Fernando Martins, Francisco Brennand, Genaro de Carvalho, Gilvan Samico, Glauco Rodrigues, Hércules Barsotti, Hermelindo Fiaminghi, Isabel Pons, Ivan Serpa, João Suzuki, José Carlos Marques, Kenishi Kaneko, Licínio de Almeida, Lívio Abramo, Luigi Zanotto, Lula Cardoso Ayres, Manabu Mabe, Manezinho Araújo, Moacyr Rocha, Nelson Leirner, Tikashi Fukushima, Tomoshigue Kusuno, Waldemar Cordeiro e Willys de Castro.

Imagens: Divulgação

serviço
Exposição: "Arte na moda: Coleção MASP-Rhodia", com curadoria de Adriano Pedrosa, Patrícia Carta e Tomás Toledo.
Datas e horários: De 23 de outubro de a 14 de fevereiro de 2016. De terça a domingo: das 10h às 18h (bilheteria aberta até as 17h30); quinta-feira: das 10h às 20h (bilheteria até 19h30).
Local: MASP - Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand | Avenida Paulista, 1578.
Ingressos: R$ 25,00 (entrada); R$ 12,00 (meia-entrada). O MASP tem entrada gratuita às terças-feiras, durante o dia todo, e às quintas-feiras, a partir das 17h. Estudantes, professores e maiores de 60 anos pagam R$ 12,00 (meia-entrada). Menores de 10 anos de idade não pagam ingresso.