AGENDA DAS ARTES

Voltar

Acordo

Artistas: Mano Penalva

Curadoria: Juliana Monachesi

De 27/05 a 27/7

Central Galeria de Arte Ver mapa

Endereço: Rua Bento Freitas, 306 - Vila Buarque

Telefone: (11) 2645-4480

A Central Galeria apresenta “Acordo” de Mano Penalva. A exposição fica em cartaz de 27/5 a 27/7 e reúne obras inéditas, produzidas entre 2018 e 2019 que tiveram como norte o olhar do artista sobre as coisas do mundo, do gesto e da circulação de mercadorias nas ruas.

A mostra revela Materiais e objetos conhecidos como panos, cintos, sacolas, objetos e gestos ordinários são deslocados de sua posição e função tradicionais e reorganizados como fragmentos de uma composição precisa.

É possível perceber na obra do artista uma “quebra da normalidade” dos objetos – Mano propõe uma reconfiguração surpreendente e inesperada, o artista evita as funções primeiras dos itens e imprime novas possibilidades e formas de pensar a sua existência.


Mano Penalva, Melzinho, ACORDO, 2018, Garrafas de mel e vidro dourado

O artista produziu dois trabalhos especialmente para “Acordo” que levam o nome da exposição; uma música de trabalho, composta em parceria com o cantor Paulo Neto, e um vídeo, elaborado com o diretor Di Rodrigues que conta com a  participação dos artistas Fernanda Pavão e Moisés Patrício.

A música "ACORDO", traz refrões como: “Acorda, acorde, acode / O tempo levantou cedo/ 24/7, é labuta o dia inteiro/ Quem sai pra trabalhar, sabe o tempo de quarar”. A canção tece relações entre a fala, ou seja, dos sons guturais e os movimentos.

A temática do trabalho propõe uma visão do trabalho do artista que foge da romantização e da ideia de que algumas epifanias mobilizam criações mirabolantes. Para Mano, o fazer artístico é um ofício, requer tentativa e erro, prática e disciplina.

Mano Penalva, Acordo de paz, 2019. Crédito: Divulgação

O trabalho do artista se baseia no estudo da Cultura Material, mudanças de comportamento e efeitos da globalização. Suas produções são explicitamente não-representativas, fato que proporciona que os materiais e objetos ditem a forma e se fundam quase que por conta própria a partir de um desejo de existirem no mundo. Mano cria sua poética justamente a partir do deslocamento dos objetos de seu contexto cotidiano, trabalhando com diferentes mídias como pintura, fotografia, escultura e instalação.

Serviço
"Acordo" de Mano Penalves
Datas e Horários: Abertura - 25/5 das 14h às 17h. Visitação: 27/5  a 27/7
Local: Central Galeria | Rua Bento Freitas, 306, Vila Buarque